Essences of love.

"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato..."


Reblogged from humor-de-mafagafo

Ore!

Não ligue se ninguém te sustenta alegria,
O Cara que não desiste vai cuidar de você!

(Camila Dias)

Quando você quiser me procurar
Mas não garanto nada
Se já não vô tá acompanhado por lá…
Daí você vai bater na porta pra dizer
Que me ama, que me quer
Mas outra mina que vai te atender
'Cê vai me ver vindo lá no escuro
Vou abraçar ela por trás e vou dizer:
Hoje não tem pão duro!


(Projota)

Então era ela: uma voz, um violão, seus sentimentos traduzidos e expressados em canções, suas ideias e uma caneta na mão.


Camila D.

Ingratidão nunca combinou comigo. Principalmente falta de consideração. Pena fazerem das coisas mais raras um descaso… Não fica nada mais do que minha lástima repentina. Por essas e outras que eu sou difícil de se lidar com o ser humano, só devo me lembrar que sou um deles também. 


Camila D.

Palavras para que? Nossas mãos falam. Nossos olhos se beijam, nossas almas revelam o “todo” que nossos próprios corpos desconhecem.

(Sophie)

Novo dia.

Hoje acordei mudada. Foi como se meu ontem tivesse sido a uns bons longos 10 anos atrás. Meu hoje esta leve e sem problemas. Forças renovadas! Interpretação de vida pouco diferente. Essencias novas, cores vivas, dançantes, convidativas… Acordei ainda mais apaixonada sobre as pessoas. Os detalhes me interessam, me importam. Ainda mais os pequenos, estes me importam sempre. Sem pressa de sentir. Sensação de que tudo está como deve estar e o que nao estiver, eu invento, arrumo, reverto de lugar. Uma boa bagunça é interessante! E quer saber, talvez um anjo passou mesmo por aqui nesta noite passada e me deu esta sensaçao do presente. Estou desde sempre fazendo da minha vida uma canção… Mas parece que só hoje pude escutá-la de verdade. Qualquer sombra que pudesse me seguir, deixei completamente pra trás. Minhas mãos estão estendidas para quem eu confio, sempre! Tudo no seu lugar.


Camila D.

Almas fúteis, almas falsas, pequenas, vazias… estão por todo lado. As vezes sinto a impressão de que é só isso que o mundo tem a oferecer. Será só isso? Eu olho para um lado e vejo isso claramente, em situações mais simples… Olho para outro lado… vejo coisas piores. É muita sujeira envolvida em sentimentos tão ricos. É gente maltratando gente, gente enganando gente. E muitos não percebem, se escondem, ou simplesmente fecham os olhos para não ver a realidade. E nisso, o mundo se perde cada vez mais. Eu sei, aqui nunca será perfeito, simplesmente porque é justamente aqui que os humanos habitam; vulgo errantes. Não tem como eu fugir, eu estou aqui, sou um deles. E sei lá, eu ainda acredito que possam existir pessoas que se salvam no meio disso tudo.


Camila D.

O processo é muito pesado. Nós fomos educados a querer um grande amor. Educados entre aspas, nos nossos sonhos, nos filmes, nas visões de cada um, naqueles contos de fadas que nos jogamos de corpo e alma e colocando totalmente a nossa felicidade nas mãos de alguém. Mergulhando e colocando como uma estrutura toda de vida em perigo, em pessoas que a gente não sabe bem quem são.   


Texto de Saulo.